Artigos

Rompendo algumas fronteiras

Estamos em época de poucos jogos na América do Sul, nos meses de dezembro, janeiro e fevereiro. Novas metas, novos ciclos e novos objetivos. Tenho percebido que são poucos os que se preparam para esse novo começo. Muitos outros dizem que vão mudar, próximo ano será diferente, mas as atitudes continuam as mesmas. A velha atitude do comodismo de sempre.

Não seria o caso de continuar a trabalhar em outros campeonatos? Abrindo fronteiras e buscando conhecimento? Vou chamar esse artigo de Rompendo algumas fronteiras.

fronteiras

Durante todo esse período, sempre encontrará alguém dizendo: Só volto nos Brasileiros, Libertadores. Qual a chance de se buscar novos desafios? De se tornar melhor no mercado que já atua?

Participo de grupos de traders iniciantes que estão fazendo jogos gregos, peruanos, mexicanos, copa turca e outros além das grandes ligas. Estão à procura de evolução, pois a vontade de crescer é gigantesca. Podem alguns estar por meios errados, mas como sabemos é nos erros que aprendemos. Certamente no próximo final de ano estarão dois ou mais degraus acima dos de hoje.

Então, quando ouço alguém com comodismo sou extremamente crítico - aquele que faz apenas poucos jogos, poucos campeonatos, esse está sentado em um banco sem motivação. E algo muito pior, esperando um campeonato que se formos ser bem sinceros nunca saberemos se será igual ao anterior. Não é o fato de ter sido regular com bons greens que isso de 100% de certeza que o próximo ano será igual.

Podem surgir alguns Traders melhores atuantes no mercado que vão dificultar seu rendimento. Outros fatores simples que mudaram sua forma de trabalhar, por exemplo: Se mudar para 12 segundos sua liga preferida, como fica?

É complicadíssimo em qualquer profissão ficar parado esperando algo. Busque um amigo no seu grupo que queira participar dessa quebra de fronteiras contigo. Procure no calendário algo que goste, que te motive e programa-se para fazer. Temos a possibilidade de nos aperfeiçoar em quase todos os campeonatos não importa a dificuldade.

Custará alguns pequenos esforços, mas estará mudando uma coisa muito importante: a sua mente e como estará de vez rompendo algumas fronteiras do comodismo.

Gostaria de saber sobre profissionalismo no trader esportivo? Clique aqui.

Comente, participe, certamente estará evoluindo também.

Abraço a todos!